Transferências imediatas. O seu ordenado vai passar a chegar à conta um dia mais cedo!

Em destaque

transferencias-bancarias-espac3b1a-830x625Desde esta terça-feira, dia 18, que a maioria dos bancos a operar em Portugal já disponibilizam transferências imediatas — feitas em menos de 10 segundos — graças a um sistema prometido pela SIBS e que acaba de ser lançado oficialmente.

Para já, o serviço está disponível apenas em Portugal mas “espera-se que as ligações entre países sejam asseguradas tão cedo quanto possível”, diz o Banco de Portugal. A ideia, a prazo, é que o destinatário do dinheiro — até 15.000 euros — possa estar em Portugal ou em qualquer um dos outros 33 países pertencentes ao espaço SEPA (desde que o banco de destino também seja aderente desta solução).

 

in: observador.pt
Anúncios

Atualização das RENDAS para 2019

Em destaque

Como é habitual o coeficiente de atualização das rendas é estipulado pelo IPC, índice de preços do consumidor sem habitação em Agosto.

Este aumento chega por parte do Instituto Nacional de Estatística (INE). Em julho este valor tinha sido de 1,14%.

Coeficiente de Atualização das Rendas para 2019

Este valor no próximo ano vai-se situar nos 1,15%, ou seja, deve somar 1,15 euros por cada 100 euros de renda. para facilitar as suas contas, deixamos uma tabela com alguns valores exemplo.

Renda Atual Atualização Nova Renda
100 1,15 101,15
200 2,3 202,3
300 3,45 303,45
400 4,6 404,6
500 5,75 505,75
600 6,9 606,9
700 8,05 708,05
800 9,2 809,2
900 10,35 910,35
1000 11,5 1011,5
1100 12,65 1112,65
1200 13,8 1213,8
1300 14,95 1314,95
1400 16,1 1416,1
1500 17,25 1517,25

Coeficiente de Atualização das Rendas para 2019 será ainda oficializado em Diário da República.

 

http://maisvalias.com/2018/09/12/coeficiente-de-atualizacao-de-rendas-para-2019-aumento-das-rendas/

Impostos: O que muda para as empresas em 2017?

Aparte

 

Subsídio de refeição – as empresas podem acompanhar o aumento do valor excluído de tributação na esfera dos trabalhadores. O valor não tributado passa de 4,27€ para 4,52€, quando o subsídio é pago em dinheiro, e de € 6,83 para € 7,23, quando atribuído em vales de refeição.

Redução do pagamento especial por conta – redução do limite mínimo do pagamento especial por conta para as empresas, de 1.000€ para 850€.

Prejuízos fiscais – o critério FIFO (o primeiro a entrar é o primeiro a sair) deixa de ser aplicável na dedução dos prejuízos, sendo possível deduzir em primeiro lugar os prejuízos cujo período de reporte se esgote primeiro.

finanças

IVA nos produtos importados – nas importações (de fora da União Europeia) o IVA passa a poder ser pago por autoliquidação, em vez de ser pago na alfândega. Esta medida apenas aplicável a partir de 1 de setembro de 2017 para alguns produtos, e a partir de 1 de março de 2018 para a generalidade dos bens.

Comunicação das faturas – a obrigação de comunicação das faturas passa do dia 25 para o dia 20 do mês seguinte.

Informatização da contabilidade – a partir de 2017, todas as entidades com atividade comercial, industrial ou agrícola têm que organizar a contabilidade com recurso a meios informáticos.

in: original